Navegação por ano de publicação "2016"

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 22193

    MIRANDA, LEILA F. de; VALE, MARCOS; MUNHOZ JUNIOR, ANTONIO H.; MASSON, TEREZINHA J.; ANDRADE e SILVA, LEONARDO G. de . Zinc chloride influence on the resins furan polymerization to foundry moulds. In: IKHMAYIES, SHADIA J. (Ed.); LI, BOWEN (Ed.); CARPENTER, JOHN S. (Ed.); HWANG, JIANN-YANG (Ed.); MONTEIRO, SERGIO N. (Ed.); LI, JIAN (Ed.); FIRRAO, DONATO (Ed.); ZHANG, MINGMING (Ed.); PENG, ZHIWEI (Ed.); ESCOBEDO, JUAN P. (Ed.); BAI, CHENGUANG (Ed.) CHARACTERIZATION OF MINERALS, METALS, AND MATERIALS. 145th . ANNUAL MEETING & EXIBITION, February 14-18, 2016, Nashville, Tennessee, USA. Proceedings... New York: Wiley , 2016, 2016. p. 771-778.

    Palavras-Chave: foundries; furans; resins; polymerization; productivity; zinc chlorides; composite materials; tensile properties; scanning electron microscopy; spectrometers

    Icon

  • IPEN-DOC 22911

    NABESHIMA, CAMILA T.; ALVES, SARAH I.P.; F. NETO, ANTONIO M.; SAMAD, RICARDO E. ; COURROL, LILIA C.; SILVA, FLAVIA R.O. . Z-scan technique: a new concept for diagnosis of prostate cancer in blood. In: FRONTIERS IN OPTICS/LASER SCIENCE, October 17-21, 2016, Rochester, New York, USA. Proceedings... Washington, DC, USA: OSA, 2016.

    Abstract: Porphyrin accumulate substantially more in tumors than in normal tissues. The optical nonlinearity of the blood porphyrin was analyzed using Z-scan technique. The results showed a decrease in nonlinear refractive index value for tumor blood.

    Icon

  • IPEN-DOC 23682

    DENALDI, R.L.; BALDOCHI, S.L. ; GOMES, L. ; MAZZOCCHI, V.L. ; MORAES, J.R. ; PARENTE, C.B.R. . Yb:Er-doped LiLa(WO4)2 single crystal fiber growth. In: INTERNATIONAL CONFERENCE ON CRYSTAL GROWTH AND EPITAXY, 18th, August 7-12, 2016, Nagoya, Japan. Abstract... 2016.

    Icon

  • IPEN-DOC 23696

    SILVA, IVAN G.N.; MUSTAFA, DANILO; RODRIGUES, RODRIGO V.; MERIZIO, LEONNAM G.; FELINTO, MARIA C.F.C. ; BRITO, HERMI F.. Y2O2SO4:Eu3+ nanomaterials synthesis by a benzenecarboxylate method. In: BRAZILIAN MEETING ON INORGANIC CHEMISTRY, 18th, September 25-30, 2016, São Pedro, SP. Abstract... 2016.

    Abstract: Luminescent nanomaterials have been mainly investigated in recent years because of significant differences in structure and performance from the bulk [1,2]. Most preparation methods of nanosized luminophores need high temperatures or complicated experimental procedures. Rare earth (RE) 5-Sulfoisophthalic acid complexes (RE(STMA)·4H2O) decompose to rare earth sulfates RE2O2SO4:Eu3+ in one step at low temperature, the compounds were annealed at 500, 600, 700, 800, 900 and 1000 °C [3]. This work reports a new low temperature preparation method of the Y2O2SO4:Eu3+ nanomaterials based on benzenecarboxylate method precursors. TGA analyses (Fig. 1) show on event from 35 to 175 °C corresponding to the loss of 4 water molecules and only one decomposition event, from 490 to 670 °C (loss of organic moiety). The XRD confirms the obtainment of Y2O2SO4:Eu3+ materials without the presence of other phases up to 900 °C, after this temperature Rietveld refinement show formation of Y2O3. The excitation spectra (Fig. 2) exhibit the LMCT O→Eu band centered at 275 nm and the intraconfigurational 4f transitions of Eu3+. The excitation spectra show similar features independently of the annealing temperature, with the presence of an extra low intensity broad band in the compounds annealed at 500 and 600 °C, owing to oxycarbonated. The emission spectra (Fig. 3) exhibit only the intraconfigurational 4f transitions of the Eu3+ ion, with the presence of transitions arising from the 5DJ (J: 0, 1 and 2).

    Icon

  • IPEN-DOC 23549

    ARATA, A. ; PRETTO, L.R. de; USSUI, V. ; LIMA, N.B. ; FREITAS, A.Z. ; MACHADO, J.P.B.; TANGO, R.N.; SOUZA, G.M.D. de; LAZAR, D.R.R. . Y-TZP low temperature degradation: a sigmoidal or a linear behavior?. Dental Materials, v. 32, 1, p. e99-e99, 2016. DOI: 10.1016/j.dental.2016.08.208

    Icon

  • IPEN-DOC 22569

    PEIXOTO, JOSE G.P.; POTIENS, MARIA da P. . X and gamma ray secondary standard metrology. In: PEIXOTO, JOSE G.P. (Ed.). Ionizing radiation metrology. Rio de Janeiro, RJ: Instituto de Radioproteção e Dosimetria, 2016. p. irregular,

    Palavras-Chave: x radiation; gamma radiation; dosimetry; calibration; radiotherapy; radiation protection

    Icon

  • IPEN-DOC 23843

    METAIRON, S. ; ZAMBONI, C.B. ; SUZUKI, M.F. . Whole blood differences of inorganic elements in dystrophic animal models. In: REUNIÃO DE TRABALHO SOBRE FÍSICA NUCLEAR NO BRASIL, 39., 03-07 de setembro, 2016, Natal, RN. Abstract... 2016.

    Abstract: The Duchenne Muscular Dystrophy (DMD) disease is characterized by presenting an irreversible progressive degeneration of skeletal muscle. Currently, no effective treatment is available and the DMD research progress depends on animal models. In order to evidence in more details the alterations that DMD disease may cause in blood a comparison of inorganic elements between two animal models (mouse and dog) with muscular dystrophy were made. The dystrophic models were obtained from different research centers at São Paulo city. Several inorganic elements of clinical and nutritional relevance were investigated using Neutron Activation Analysis (NAA). These measurements were performed in the nuclear reactor IEA-R1 (3.5- 4.5MW, pool type) at IPEN/CNEN-SP, Brazil. The knowledge of the elemental composition in these animal models may also help to identify the physiologic difference among them. Moreover, these data can be useful for biochemistry analyses contributing for studying in more details the anomalies caused by DMD.

    Icon

  • IPEN-DOC 23699

    BRITO, HERMI F.; BARBOSA, HELLIOMAR P.; FELINTO, MARIA C.F.C. ; MALTA, OSCAR L.. White light emission of the single-phased CaWO4:Tb3+,Eu3+,Dy3+ materials prepared by an environmentally friendly method. In: BRAZILIAN MEETING ON INORGANIC CHEMISTRY, 18th, September 25-30, 2016, São Pedro, SP. Resumo... 2016.

    Abstract: Trivalent rare earth (RE3+) doped tungstates [WO4]2- host matrix offers possibility to design new photoluminescent materials.1 Nowadays, there is an increasing interest of WLEDs to replace the conventional fluorescent lamps due its environment-friendliness and tuneable colours.2,3 Here we report preparation as well as the spectroscopic properties of the new highly luminescent white emitting materials Tb3+/Eu3+/Dy3+ triply-doped in CaWO4 matrix. The materials were prepared by coprecipitation method at room temperature with stoichiometry aqueous solutions of Na2WO4, CaCl2 and RECl3 (RE3+: Tb, Eu, Dy with 0.5 to 5.0 mol% of the Ca2+ amount). The RE3+ doping concentrations were identical for each rare earth ion in the range from 0.5-5.0 mol%. The XPD measurements revealed the as-prepared CaWO4:xTb3+,xEu3+,xDy3+ (x: 0.5-5.0 mol%) particles belong to the tetragonal scheelite phase with I41/a (#88) space group. The average crystallite sizes are ~11 nm. The white luminescence emission arising mainly from the 5D07F2 (Eu3+), 5D47F5 (Tb3+) and 4F9/26H15/2 (Dy3+) transitions at 614 nm (red), 545 (green) and 488 (blue), respectively (Fig. 1). The emission lifetimes of the 5D0, 5D4 and 4F9/2 emitting levels were and their values are reduced when comparing the ratio from 0.5-5.0 mol% of the RE3+ ions, respectively. The results indicate the presence of energy transfer processes between RE3+. These values could be assigned to non-radiative energy transfer contributions of the Dy3+Tb3+, Dy3+Eu3+ and Tb3+Eu3+ systems due the cross relaxation. The CIE diagram (Fig. 1 right) exhibits emissions whitish colour indicating that these materials could be suitable for solid state lighting technology.

    Icon

  • IPEN-DOC 23999

    BARBOSA, HELLIOMAR P.; PEDROSO, CASSIO C.S.; FELINTO, MARIA C.F.C. ; MALTA, OSCAR L.; BRITO, HERMI F.. White light emission of the single-phase CaWO4:Dy3+ phosphors by simple synthesis and fast heating. In: BRAZILIAN MEETING ON INORGANIC CHEMISTRY, 18th, September 25-30, 2016, São Pedro, SP. Resumo... 2016.

    Abstract: Tungstates activated by trivalent rare earth ions (RE3+) can be used for many optical devices.1 Nowadays, there is an increasing interest in white phosphors emitting to application in white-light-emitting devices (WLEDs) replacing the conventional fluorescent lamps due its ecofriendliness and tuneable colours. Here we report preparation as well as the spectroscopic properties of the single phase new highly luminescent white emitting of Dy3+ doped into the CaWO4 materials. The materials were prepared by coprecipitation method at room temperature with stoichiometry aqueous solutions of Na2WO4, CaCl2 and DyCl3 (0.1 to 5.0 mol% of the Ca2+ amount). The as-prepared materials were heated for 22 min between 900 – 1000 W in a domestic microwave oven and using Fe3O4 (60 g) susceptor as heating source. The XPD measurements revealed the CaWO4:Dy3+ particles belong to the tetragonal scheelite phase with I41/a (#88) space group. The emission arising mainly from the 4F9/26H15/2 (blue) and 6H13/2 (yellow) transitions are corresponding to the 488 and 575 nm, respectively (Fig.). At lower doping concentrations the broad band (~420 nm) is due to the WO4 group emission. Increasing the RE3+ doping concentration the main emission lines transitions of the Dy3+ are enhanced. After heating, the 1.0 mol% Dy3+ doped material exhibit a better whitish emission due to the simultaneous presence of broad band of the host in blue region and emission lines at longer wavelengths (Fig.). The lifetimes decrease monotonously in function of the Dy3+ concentration which indicates that the energy transfer from host to the Dy3+ becomes more efficient. These results suggest that CaWO4:Dy3+ could act as a white emitting phosphor in solid state-lighting technology.

    Icon

  • IPEN-DOC 23916

    REIS, A.S.; GUILHEN, S.N.; ORTIZ, N. . Water treatment adsorption and UV photodecomposition processes for antibiotics: Cephalexin and Amoxicillin. In: IWA LEADING EDGE CONFERENCE ON WATER AND WASTEWATER TECHNOLOGIES, 13th, June 13-16, 2016, Jerez de la Frontera, Spain. Resumo expandido... 2016.

    Abstract: The developed of water treatment process to adsorb and decompose the pharmaceutical antibiotic amoxicillin and cephalexin using iron oxide –hematite, quitosan and UV radiation. The equilibrium time te= 180 min and the removal percentage for amoxicillin was 90% similar with those found in literature. In same experimental parameters the Cephalexin removal percentage was 25% some parameter have been alter to promote the photodecomposition such antibiotic mixture. The results confirm an indicate the possible use of UV photodecomposition reaction as a promising water treatment to treat, adsorb and decompose antibiotic residues in the environment.

    Icon

  • IPEN-DOC 23554

    SILVA, A.C. ; MELLO-CASTANHO, S.R.H. . Vitrificação de resíduos industriais contendo metais tóxicos: Análise da corrosão superficial após 10 anos de exposição à umidade do ar / Vitrification of industrial waste containing toxic metals: analysis of surface corrosion after 10 years of exposure to air moisture. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CERAMICA, 60., 15-18 de maio, 2016, Águas de Lindóia, SP. Anais... 2016. p. 2189-2200.

    Abstract: Vitrification of industrial waste containing transition metals has been widely studied as a means of mitigating harmful emissions to the environment. The chemical inertness of these materials is the key factor for their environmental safety. The chemical resistance was avaliated by hydrolytic, acid and alkali medium attack test that has been used for simulation of behavior along the time. However, there is a lack of studies that demonstrate the actual performance of such materials. Glass containing 10 to 50 Wt% of toxic metals (Cr, Ni, Cu, Zn) were prepared by the method of replacing cations modifiers for metals, having a chemical resistance and characterized evaluated by various techniques, proving the superior performance of samples containing between 30 and 40 wt% of transition metal oxides being the same or similar performance of commercial soda-lime glasses. After the initial characterization the glasses samples were exposed to the atmosphere, safe from bad weather during periods non less than 10 years at room temperature and in the shade in the region of São Paulo. In this study the samples were retested by SEM, XRD and FT-IR. Was observed the corrosion products formation in the samples with 10, 20 and 50 Wt% of metal oxide contained. The comparison with initial results to current characterizations (10 years later) showed consistent behavior with the behavior prediction obtained by the chemical resistance tests when the samples was prepared, i.e., samples containing between 30 and 40 Wt% of toxic metals was maintained the planned stability.

    Icon

  • IPEN-DOC 23562

    SILVA, A.C. ; MELLO-CASTANHO, S.R. ; SANTOS, F.A. ; SANTOS, C.. Vidros biocidas baseados no sistema Nb2O5-SiO-CAO-Na2O. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA E CIENCIA DOS MATERIAIS, 22., 06-10 de novembro, 2016, Natal, RN. Resumo... 2016. p. 1700.

    Abstract: Neste trabalho, foram desenvolvidos vidros com base no sistema de SiO-CaO-Na2O contendo diferentes teores de Nb2O5. Estes vidros foram fundidos a 1500°C por 4 horas seguido de “quenching” em molde metálico e recozimento a 500°C por duas horas e resfriamento natural no forno. Corpos de prova de aço inoxidável 316L e ligas de titânio foram recobertas com os materiais Os ensaios de caracterização utilizaram as técnicas de DRX, FT-IR e análise da expansão térmica. Também realizou-se ensaios de citotoxicidade utilizando a metodologia de absorção de vermelho neutro onde foi indicado o crescimento celular normal, o que permite a sua utilização como biomaterial. A atividade biocida foi avaliada através da incubação de vidro em suspensão bacteriana (E.coli) a 37°C sob agitação. A composição com alto teor de de SiO2 e baixo teor de Nb2O5 apresentou maior atividade biocida e o coeficiente de expansão térmica indicam compatibilidade dos materiais térmica com o aço inoxidável 316L e ligas de titânio.

    Icon

  • IPEN-DOC 23801

    MATSUSHIMA, LUCIANA; VENEZIANI, GLAUCO ; SAKURABA, ROBERTO; CAMPOS, LETICIA . Verification of doses for total skin electron irradiation using thermoluminescent dosimeters and diodes. In: INTERNATIONAL CONFERENCE ON SOLID STATE DOSIMETRY, 18th, July 03-08, 2016, Munich, Germany. Abstract... 2016.

    Icon

  • IPEN-DOC 22869

    ALGARVE, FABIO J. ; CALDAS, LINDA V.E. . Verificação da influência do suporte de pastilhas na resposta TL do BeO / Verification of the influence of the pellet support cover on the TL response of BeO. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE METROLOGIA DAS RADIAÇOES IONIZANTES, 3., 21-23 de novembro, 2016, Rio de Janeiro, RJ. Anais... 2016. p. 1-4.

    Abstract: O objetivo deste trabalho foi verificar a influência da tampa do suporte de pastilhas de um dispositivo dosimétrico na resposta termoluminescente (TL) do BeO, considerando que ele poderia causar uma atenuação no feixe. Entretanto, os resultados demonstraram que o dispositivo testado não é sensível à influência da referida tampa. Portanto, a utilização deste suporte no dispositivo dosimétrico empregado não altera a resposta TL no estudo das características dosimétricas do BeO.

    Icon

  • IPEN-DOC 23082

    VEDOLIN, M.C.; TEOPHILO, C.Y.S.; FIGUEIRA, R.C.L.; TURRA, A.. Variabilidade espacial da concentração de metais em microplásticos coletados em praias: um novo insight sobre poluição. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE OCEANOGRAFIA, 7., 05-09 de novembro, 2016, Salvador, BA. Resumo... 2016. p. 805-805.

    Abstract: O termo “microplástico” é atribuído a produtos plásticos, os quais o tamanho estão dentro do intervalo de 1 a 10mm, variando de estudo para estudo. Dentre estes produtos, estão os pellets, grânulos plásticos que correspondem à forma principal com que as resinas plásticas são produzidas e comercializadas para serem usadas como matéria-prima em indústrias de transformação, onde são derretidas e moldadas de acordo com o produto final. Devido à perda durante os processos de produção e transporte, tais pellets podem atuar como uma potencial fonte contaminante no ambiente por conta da liberação e/ou adsorção de contaminantes orgânicos e inorgânicos. Este estudo investiga as interações entre poluentes inorgânicos, os metais, dissolvidos em pellets coletados em diferentes praias do litoral de São Paulo. Especificamente, o estudo comparou a realização do método e seus resultados em grânulos virgens, ou seja, aqueles obtidos a partir de uma fábrica de moldagem com os recolhidos das praias. Foram quantificados os elementos: Al, Cr, Cu, Fe, Mn, Sn, Ti e Zn empregando a técnica de espectrometria de emissão atômica com plasma indutivamente acoplado (ICP-OES). Os polímeros foram solubilizados via digestão ácida (EPA3050B). Os níveis de metais em amostras de pellets virgens são relativamente baixos, se comparados aos pellets coletados, indicando a possível pureza destas amostras. Já para os pellets coletados, os níveis de metais apresentam a seguinte ordem crescente de concentração: Fe> Al > Mn> Ti > Cu , Zn, sendo os maiores valores encontrados para Fe e Al, 391,56 mg kg-1, praia de Itaguaré e 58,63 mg kg-1, praia de Tabatinga , respectivamente. Houve diferença significativa nos níveis de metais em relação aos locais amostrados (Anova p<0,05) e em relação aos elementos analisados (Anova p<0,05), no entanto, não houve diferença estatística entre os elementos Ti e Zn (teste de Tukey p>0,05). Para a maioria dos metais, os maiores níveis ocorrem em áreas de intensa urbanização e/ou próximas a regiões portuárias, indicando a poluição gerada por tais locais. Essa condição, somada ao fato da capacidade de adsorção de metais em pellets coletados ser maior devido ao desenvolvimento de sítios de absorção na superfície durante a exposição a condições ambientais; pode aumentar o potencial do pellet como um acumulador. Sendo assim, os resultados sugerem que pellets de plástico têm o potencial de acumular e transportar metais no ambiente marinho, mesmo em pequena quantidade, podendo ser considerados como um vetor para o transporte destes poluentes no meio ambiente.

    Icon

  • IPEN-DOC 22667

    DEETER, M.N.; MARTINEZ-ALONSO, S.; GATTI, L.V. ; GLOOR, M.; MILLER, J.B.; DOMINGUES, L.G. ; CORREIA, C.S.C. . Validation and analysis of MOPITT CO observations of the Amazon Basin. Atmospheric Measurement Techniques, v. 9, n. 8, p. 3999-4012, 2016. DOI: 10.5194/amt-9-3999-2016

    Abstract: We analyze satellite retrievals of carbon monoxide from the MOPITT (Measurements of Pollution in the Troposphere) instrument over the Amazon Basin, focusing on the MOPITT Version 6 “multispectral” retrieval product (exploiting both thermal-infrared and near-infrared channels). Validation results based on in situ vertical profiles measured between 2010 and 2013 are presented for four sites in the Amazon Basin. Results indicate a significant negative bias in retrieved lower-tropospheric CO concentrations. The possible influence of smoke aerosol as a source of retrieval bias is investigated using collocated Aerosol Robotic Network (AERONET) aerosol optical depth (AOD) measurements at two sites but does not appear to be significant. Finally, we exploit the MOPITT record to analyze both the mean annual cycle and the interannual variability of CO over the Amazon Basin since 2002.

    Palavras-Chave: validation; carbon monoxide; brazil; satellites; pollution; troposphere; measuring instruments

    Icon

  • IPEN-DOC 21731

    CARVALHO, JOSE M.; LASTUSAARI, MIKA; RODRIGUES, LUCAS C.V.; HOLSA, JORMA; FELINTO, MARIA C.F.C. ; BRITO, HERMI F.. Valence control of Pr in ZrOsub(2) nanocrystals by aliovalent Gdsup(3+) co-doping. Journal of Luminescence, v. 170, n. 2, p. 627-632, 2016.

    Palavras-Chave: valence; praseodymium; luminescence; nanostructures; crystals; doped materials; zirconium oxides; gadolinium; x-ray diffraction; relaxation

    Icon

  • IPEN-DOC 23588

    ARAUJO, M.S.; MARTINELLI, J.R. ; GENOVA, L.A. ; PRADO, U.S. do . Utilização de resíduos de catalisador (ECAT) e cinzas da casca de arroz (CCA) na elaboração de vidros silicatos soda-cal destinados ao setor de embalagem / Use of rice rusk ash and spent catalyst as a source of raw material for the production and characterization of soda-lime silicate glasses destined for packaging. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA E CIENCIA DOS MATERIAIS, 22., 06-10 de novembro, 2016, Natal, RN. Anais... 2016. p. 2325-2336.

    Abstract: Study on the use of rice husk ash (RHA) and waste catalyst (ECAT), two industrial solid waste generated in large quantities in Brazil, getting soda-lime glass for the production of packaging. Both the waste may be classified as class II waste according to NBR 10,004. Samples were produced adding Na2CO3 and CaO to obtain a composition within the range of commercial soda-lime glasses. The results showed that both can be used as received (without any previous treatment) replacing important raw materials, source of Al2O3 and SiO2, necessary for glass formation. The produced samples were amber due to the presence of nickel (Ni2+ ions) from the ECAT and optical transmittance of 18%. These also showed good homogeneity, i.e., absence of bubbles and striae and dissolution rate higher than a commercial soda-lime glass. In general, the samples are presented suitable for applications that require low transmittance such as colored glass containers, which does not require perfect visibility and transparency. Finally, the waste level of incorporation was approximately 78 mass%.

    Icon

  • IPEN-DOC 21777

    ARAUJO, MARIANA S. de . Utilização de resíduos de catalisador (ECAT) e cinzas da casca de arroz (CCA) na elaboração de vidros silicatos soda-cal destinados a embalagem / Use of rice rusk ash and spent catalyst as a source of raw material for the production and characterization of soda-lime silicate glasses destined for packaging . 2016. Dissertação (Mestrado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energeticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 81 p. Orientador: Luís Antonio Genova.

    Abstract: Estudo realizado acerca da utilização de dois resíduos sólidos industriais (RSI) gerados em grande quantidade no Brasil, na obtenção de vidros soda-cal destinados à produção de embalagens. Os resíduos avaliados foram a cinza de casca de arroz (CCA) e resíduo do catalisador usado das unidades de Craqueamento Catalítico Fluido das Petroquímicas (ECAT), ambos podem ser classificados como resíduos sólidos de classe II de acordo com a norma NBR 10.004. Esta nova proposta para destinação desses resíduos é uma alternativa às atuais disposições, buscando não apenas minimizar os impactos ambientais gerados, mas também a valorização dos mesmos como matérias-primas. Para a produção das amostras, além da utilização dos RSIs, foram também utilizados óxidos fundente (Na2CO3) e estabilizante (CaO). Os resultados obtidos demonstraram que ambos podem ser usados como recebidos (sem tratamento prévio) substituindo matérias-primas importantes, fontes de Al2O3 e SiO2, necessárias para a formação de vidros. As amostras obtidas apresentaram a cor âmbar devido a presença de níquel (íons Ni2+) proveniente do ECAT e transmitância óptica de 18%. Estas, ainda demonstraram boa homogeneidade, i.e., ausência de bolhas e estriais e, resistências hidrolíticas média de 1,33x10-8 g/cm²·dia (superior à um vidro comercial de composição semelhante) de acordo com a ISO695-1984. O vidro obtido é adequado para aplicações que exigem baixa transmitância como embalagens de vidros em geral, os quais não requerem perfeita visibilidade e transparência. O teor de incorporação na composição final das amostras foi de aproximadamente 78% em massa.

    Palavras-Chave: glass industry; packaging; lime-soda sinter process; silicates; solid wastes; industrial wastes; recycling; rice; shells; sodium carbonates; calcium silicates; oxides; x-ray diffraction; fluorescence; electron microscopy

    Icon

  • IPEN-DOC 23615

    FERMINO, D.M.; OLIANI, W.L. ; PARRA, D.F. ; VALENZUELA-DIAZ, F.R.. Utilização de celulose e nanoargila como agentes de reforço em polipropileno / Celullose and nanoclay utilized reinforcement agents in polypropylene. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA E CIENCIA DOS MATERIAIS, 22., 06-10 de novembro, 2016, Natal, RN. Anais... 2016. p. 9447-9454.

    Abstract: This work concerns the study of the mechanical properties and morphological of polypropylene hybrid nanocomposites with Brazilian smectite nanoclay the state of Paraiba (PB), at concentrations of 1, 2 and 5 % by weight nanoclay with the addition of 1 and 2 % by weight cellulose from discarded bond paper. Polypropylene with 3 % by weight polypropylene graft compatibilizer (PP-g-AM) was mixed of nanoclay/cellulose using a twin-screw extruder. The specimens were prepared by the injection process. The mechanical behavior was evaluated by strength, flexural strength and IZOD impact. In addition, clay and cellulose were characterized by X-ray diffraction (XRD), X-ray fluorescence (XRF) and scanning electron microscopy (SEM). With addition of cellulose in the polypropylene increased 8 % in strength and 21 % in IZOD impact test. By SEM was observed cellulose agglomeration in hybrid nanocomposites.

    Icon

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.