Navegação IPEN por assunto "pancreas"

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 01461

    BORGHI, V.C.; WAJCHENBERG, B.L.. Avaliacao da tecnica de radioimunoensaio para dosagem de glucagonio pancreatico no plasma humano. In: 12th REUNIAO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE BIOQUIMICA, 20-24 abr, 1983, Caxambu, MG, Brasil. 1983. p. 317.

    Observação: arquivo não disponível no Repositório

    Palavras-Chave: accuracy; glucagon; iodination; pancreas; radioimmunoassay; sensitivity; specificity

  • IPEN-DOC 11143

    CAMARGO, E.A.; ESQUISATTO, L.C.M.; ESQUISATTO, M.A.; RIBELA, M.T.C.P. ; CINTRA, A.C.; GIGLIO, J.R.; ANTUNES, E.; LANDUCCI, E.C.T.. Characterization of the acute pancreatitis induced by secretory phospholipases Asub(2) in rats. Toxicon, v. 46, n. 8, p. 921-926, 2005.

    Palavras-Chave: pancreas; infectious diseases; inflammation; phospholipids; lipases; rats; venoms; catalysts; lungs; injuries

  • IPEN-DOC 02247

    BORGHI, V.C.; WAJCHENBERG, B.L.; ALBUQUERQUE, R.H.. Evaluation of a sensitive and specific radioimmunoassay for pancreatic glucagon in human plasma and its clinical application. Clinica Chimica Acta, v. 136, n. 1, p. 39-48, 1984.

    Palavras-Chave: cushing syndrome; diabetes mellitus; glucagon; iodination; metabolic diseases; pancreas; radioimmunoassay

  • IPEN-DOC 11562

    SUZUKI, M.F. ; CASARE, M.; SPENCER, P.J. . Genotoxic effect in pancreatic tumor cell AR42J by using micronuleus assay. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE TOXICOLOGIA, 9., 28 nov. 2 dez, 2006, Fortaleza, CE. Abstract... 2006.

    Palavras-Chave: snakes; venoms; toxins; pancreas; tumor cells; gamma radiation; genetic radiation effects; dna; in vitro

  • IPEN-DOC 28344

    ALVES, ANDRESSA A.; QUEIROZ, ALFREDO A.A.E. de; SOARES, CARLOS R.J. ; QUEIROZ, ALVARO A.A. de . Microfluidic caging lipase in hyperbranched polyglycerol microcapsules for extracorporeal treatment of enzyme pancreatic insufficiency. Journal of Biomaterials Science, Polymer Edition, v. 32, n. 18, p. 2349-2368, 2021. DOI: 10.1080/09205063.2021.1971820

    Abstract: Lipase cartridges are currently the mainstay of treatment to improve fat absorption related to pancreatic insufficiency (PI) in patients receiving enteral nutrition feedings. Enzyme immobilization is an essential prerequisite for designing lipase cartridges systems for efficient enzymatic fat hydrolysis. A microfluidic approach has been adopted to produce lipase (LIP) caged in hyperbranched polyglycerol microcapsules (HPGly). The resulting HPGly-LIP microcapsules are spherical and had an average diameter of 29 µm with monomodal size distribution. The optimum conditions determined by artificial neural networks were HPGly concentration of 10 wt.%, LIP loading of 20% (wt) and total flow rate in microfluidic cell of 1.0 mL/h. Under these conditions, the maximum capacity of the LIP that can be microencapsulated is around 85% with respect to the HPGly concentration of 10 wt.% and total flow rate in microfluidic cell of 1.0 mL/h. This resultant HPGly-LIP exhibited Michaelis–Menten coefficients of 1.138,14 mM (Km) and 0.49 U/mg (Vmax) showing higher activity compared to free LIP. Finally, the robust HPGly-LIP microcapsules showed excellent recyclability. The in vitro Analysis of the HPGly-LIP cytotoxicity showed that microcapsules had no cytotoxic effect to L929 fibroblasts cells and behaved very similar to the negative control. These features will be useful for the facile construction of biocatalytic systems with high efficiency, excellent recyclability and adequate biocompatibility for treatment of patients with PI receiving enteral nutrition feedings.

    Palavras-Chave: pancreas; inflammation; lipases; glycerol; toxicity

  • IPEN-DOC 13233

    FAINTUCH, B.L. ; MURAMOTO, E.; MORGANTI, L. ; CHURA-CHAMBI, R.M.; NASCIMENTO, N. ; GARAYOA, E.G.; BLAUENSTEIN, P.; SCHUBIGER, P.A.. Modified bombesein analogue with technetium tricarbonyul precursor as prostatic radiodiagnostic agent. In: INTERNATIONAL SYMPOSIUM TRENDS IN RADIOPHARMACEUTICALS, 14-18 November, 2005, Vienna. Proceedings... Vienna: International Atomic Energy Agency, 2007, 2005. p. 375-381.

    Palavras-Chave: blood; carbonyls; carcinomas; ethanol; gastrin; growth factors; high-performance liquid chromatography; injection; labelling; large intestine; mammary glands; methionine; mice; pancreas; prostate; radiopharmaceuticals; receptors; synthesis; technetium 99; uptake

  • IPEN-DOC 26479

    BRAGA, THAIS L.; PINTO, SUYENE R.; REIS, SARA R.R. dos; PORTILHO, FILIPE L.; BARROS, ALINE O. da S. de; BERNARDES, EMERSON S. ; SANTOS, SOFIA N. dos ; ALENCAR, LUCIANA M.R.; RICCI-JUNIOR, EDUARDO; SANTOS-OLIVEIRA, RALPH. Octreotide nanoparticles showed affinity for in vivo MIA Paca-2 inducted pancreas ductal adenocarcinoma mimicking pancreatic polypeptide-secreting tumor of the distal pancreas (PPoma). Pharmaceutical Research, v. 36, n. 10, p. 1-8, 2019. DOI: 10.1007/s11095-019-2678-4

    Abstract: Purpose Pancreatic Polypeptide-secreting tumor of the distal pancreas (PPoma) is a rare, difficult and indolent type of cancer with a survival rate of 5-year in only 10% of all cases. The PPoma is classified as a neuroendocrine tumor (NET) not functioning that overexpresses SSTR 2 (somatostatin receptor subtype 2). Thus, in order to improve the diagnosis of this type of tumor, we developed nanoparticulate drug carriers based on poly-lactic acid (PLA) polymer loaded with octreotide and radiolabeled with Technetium-99 m (99mTc). Methods PLA/PVA octreotide nanoparticles were developed by double-emulsion technique. These nanoparticles were characterized by Atomic Force Microscopy (AFM) and Dynamic Light Scattering (DLS) and radiolabeled with 99mTc by the direct via forming 99mTc-PLA/PVA octreotide nanoparticles. The safety of these nanosystems was evaluated by the MTT cell toxicity assay and their in vivo biodistribution was evaluated in xenografted inducted animals. Results The results showed that a 189 nm sized nanoparticle were formed with a PDI of 0,097, corroborating the monodispersive behavior. These nanoparticles were successfully radiolabeled with 99mTc showing uptake by the inducted tumor. The MTT assay corroborated the safety of the nanosystem for the cells. Conclusion The results support the use of this nanosystem (99mTc-PLA/PVA octreotide nanoparticles) as imaging agent for PPoma.

    Palavras-Chave: nanoparticles; radiopharmaceuticals; pancreas; carcinomas; images; image processing; light scattering; tumor cells; cell cultures

  • IPEN-DOC 23935

    SEO, DANIELE ; FAINTUCH, BLUMA L. ; OLIVEIRA, ERICA A. de; FAINTUCH, JOEL. Pancreas and liver uptake of new radiolabeled incretins (GLP-1 and Exendin-4) in models of diet-induced and diet-restricted obesity. Nuclear Medicine and Biology, v. 49, p. 57-64, 2017. DOI: 10.1016/j.nucmedbio.2017.03.002

    Abstract: Introduction: Radiolabeled GLP-1 and its analog Exendin-4, have been employed in diabetes and insulinoma. No protocol in conventional Diet-Induced Obesity (DIO), and Diet-Restricted Obesity (DRO), has been identified. Aiming to assess pancreatic beta cell uptake in DIO and DRO, a protocol was designed. Methods: GLP-1-βAla-HYNIC and HYNIC-βAla-Exendin-4 were labeled with technetium-99m. Four Swiss mouse models were adopted: Controls (C), Alloxan Diabetes Controls (ADC), DIO and DRO. Biodistribution and ex-vivo planar imaging were documented. Results: Radiolabeling yield was in the range of 97% and both agents were hydrophilic. Fasting Blood Glucose (FBG) was 79.2 ± 8.2 mg/dl in C, 590.4 ± 23.3 mg/dl in ADC, 234.3 ± 66.7 mg/dl in DIO, and 96.6 ± 9.3 in DRO (p = 0.010). Biodistribution confirmed predominantly urinary excretion. DIO mice exhibited depressed uptake in liver and pancreas, for both radiomarkers, in the range of ADC. DRO only partially restored such values. 99mTc-HYNIC-βAla-Exendin-4 demonstrated better results than GLP-1-βAla-HYNIC-99mTc. Conclusions: 1) Diet-induced obesity remarkably depressed beta cell uptake; 2) Restriction of obesity failed to normalize uptake, despite robust improvement of FBG; 3) HYNIC-βAla-Exendin-4 was the most useful marker; 4) Further studies are recommended in obesity and dieting, including bariatric surgery.

    Palavras-Chave: alloxan; biomedical radiography; blood; design; diet; excretion; glucose; ice; labelling; liver; metabolic diseases; mice; pancreas; surgery; technetium; technetium 99; uptake; yields

  • IPEN-DOC 13040

    FAINTUCH, BLUMA L. ; TEODORO, RODRIGO; DUATTI, ADRIANO; MURAMOTO, EMIKO; FAINTUCH, SALOMAO; SMITH, CHARLES J.. Radiolabeled bombesin analog for prostate cancer diagnosis: preclinical studies. Nuclear Medicine and Biology, v. 35, p. 401-411, 2008.

    Palavras-Chave: cysteine; diagnosis; excretion; gastrin; kidneys; labelling; mice; neoplasms; pancreas; pertechnetates; prostate; radiochemistry; receptors; stability; technetium 99; tracer techniques; tumor cells; uptake

  • IPEN-DOC 14799

    PUJATTI, PRISCILLA; BARRIO, OFELIA; CALDEIRA, JOSE ; SUZUKI, MIRIAM ; ARAUJO, ELAINE . Radiolabeling of substance P with 177 Lu and in vivo evaluation of tumor cell uptake in nude mice: Preliminary results. Journal of Nuclear Medicine, v. 49, n. Suppl. 1, p. 437, 2008.

    Palavras-Chave: mice; tumor cells; pancreas; radiopharmaceuticals; labelled compounds; lutetium 177; biological models; tissue distribution

  • IPEN-DOC 13820

    ARAUJO, ELAINE B. ; PUJATTI, PRISCILLA B.; BARRIO, OFELIA; CALDEIRA, JOSE S. ; SUZUKI, MIRIAM F. ; MENGATTI, JAIR . Radiolabeling of substance P with lutetium-177 and biodistribution study in AR42J pancreatic tumor xenografted Nude mice. In: SIMPOSIO DE DOSIMETRIA INTERNA APLICADA A MEDICINE NUCLEAR, 1., 8-11 de abril, 2008, Recife, PE. Anais... 2008.

    Palavras-Chave: pancreas; neoplasms; endocrine glands; labelled compounds; lutetium 177; mice; therapy

  • IPEN-DOC 22542

    ARAUJO, E.B. de ; PUJATTI, P.B. ; MENGATTI, J. . Radiolabeling of substance p with lutetium-177 and biodistribution study in rat pancreatic tumor xenografted nude mice. Cellular and Molecular Biology, v. 56, n. 2, p. 12-17, 2010.

    Palavras-Chave: labelling; lutetium 177; tissue distribution; animals; neoplasms; mice; pancreas; endocrine diseases; evaluation

  • IPEN-DOC 13171

    CAMARGO, ENILTON A.; FERREIRA, TATIANE; RIBELA, MARIA T.C.P. ; MUCCI, GILBERTO de; LANDUCCI, ELEN C.T.; ANTUNES, EDSON. Role of substance P and bradykinin in acute pancreatitis induced by secretory phospholipase Asub(2). Pancreas, v. 37, n. 1, p. 50-55, 2008.

    Palavras-Chave: pancreas; infectious diseases; phospholipids; rats

  • IPEN-DOC 01445

    CESAR, F.P.; PENTEADO, S.; MACHADO, M.C.C.; WAJCHENBERG, B.L.; SOUZA, I.T.T.. Secrecao de insulina na pancreatite alcoolica cronica. Arquivos Brasileiros de Endocrinologia e Metabologia, v. 27, n. 3, p. 121-124, 1983.

    Palavras-Chave: endocrine diseases; glucose; insulin; pancreas

  • IPEN-DOC 04577

    WAJCHENBERG, B.L.; SANTOMAURO, A.T.M.G.; GIANNELLA NETO, D.; BORGHI, V.C.; PORRELLI, R.N.. Short and long-term glicazide effects on pancreatic islet cell function and hepatic insulin extractions in noninsulin-dependent diabetes mellitus. Diabetes Research Clinical Practice, v. 17, p. 89-97, 1992.

    Palavras-Chave: diabetes mellitus; pancreas; liver; insulin; glucose; therapy

  • IPEN-DOC 13705

    CALDEIRA FILHO, JOSE de S. . Sintese, analise, purificacao e biodistribuicao em modelo animal do radiofarmaco sup(177)Lusup(3+)-dotatato para uso diagnostico e terapeutico em tumores neuroendocrinos / Synthesis, analysis, purification and biodistribution in an animal model of radiopharmaceutical 177Lu3+ - dotatato for diagnostic and therapeutic use in neuroendocrine tumors . 2009. Tese (Doutoramento) - Instituto de Pesquisas Energeticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, Sao Paulo. 134 p. Orientador: Elaine Bortoleti de Araujo. DOI: 10.11606/T.85.2009.tde-02062009-160531

    Abstract: Este trabalho teve por objetivo propor uma racionalização da síntese, da análise e da purificação do radiofármaco 177Lu3+-DOTATATO para uso diagnóstico e terapêutico em tumores neuroendócrinos, bem como avaliar a biodistribuição deste radiofármaco em modelo animal. A reação de complexação para a síntese do radiofármaco foi realizada em tampão acetato de amônio 0,5 M, pH 7,0, à 95 oC, com tempo de reação de 30 minutos. Obteve-se pureza radioquímica > 95%, de acordo com a análise por cromatografia em ITLC-SG, utilizando-se como fase móvel, tampão citrato de sódio 0,1 M, pH 5,0. A razão molar-limite 177Lu3+: DOTATATO utilizada na síntese do radiofármaco 177Lu3+-DOTATATO foi dependente da atividade específica e da procedência do radioisótopo, sendo de 1:3,5 (370 MBq : 2,6 mg) para radioisótopo oriundo do Oak Ridge National Laboratory/EUA e de 1:16 (370 MBq : 11,8 mg) para o radioisótopo oriundo do Nuclear Analytical and Medical Services/Holanda, considerando para ambos, um decaimento de cinco dias a partir da data de produção do radioisótopo. Esta racionalização da síntese do radiofármaco 177Lu3+-DOTATATO permite uma grande economia nos custos de produção. O estudo químico da síntese do radiofármaco também evidenciou a interferência do 177Hf4+, produto de decaimento do 177Lu3+, como competidor do 177Lu3+ pelo DOTATATO. A preparação radiofarmacêutica mostrou-se estável durante 24 horas, a uma atividade de 2775 MBq, com adição de 0,6 mg/mL de ácido gentísico, mantida em gelo seco. Nos estudos de biodistribuição em camundongos Swiss e Nude demonstrou-se a especificidade do radiofármaco pelos tecidos receptor-específicos para somatostatina como pâncreas, estômago, pulmão, adrenais, rins e de células tumorais AR42J. Palavras chave: síntese, complexação, radiofármaco, 177Lu-DOTATATO, tumor neuroendócrino.

    Palavras-Chave: radiopharmaceuticals; lutetium 177; iodine; labelled compounds; chromatography; radiochromatography; peptides; somatostatin; toxicity; pancreas; neoplasms

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.

O Repositório Digital do IPEN é um equipamento institucional de acesso aberto, criado com o objetivo de reunir, preservar, disponibilizar e conferir maior visibilidade à Produção Científica publicada pelo Instituto, desde sua criação em 1956.

Operando, inicialmente como uma base de dados referencial o Repositório foi disponibilizado na atual plataforma, em junho de 2015. No Repositório está disponível o acesso ao conteúdo digital de artigos de periódicos, eventos, nacionais e internacionais, livros, capítulos, dissertações, teses e relatórios técnicos.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.