Navegação IPEN por assunto "renewable resources"

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 19934

    SANTOS, MAURICIO C.F. . Aplicação de pigmento preto de carvão vegetal em polietileno de baixa densidade e influência da radiação ionizante / Application of Pigment blck charcoal in low density polyethylene and influence of the ionizing radiation . 2013. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Pesquisas Energeticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 67 p. Orientador: Leonardo Gondin de Andrade e Silva. DOI: 10.11606/D.85.2013.tde-17022014-135334

    Abstract: Neste trabalho foi estudado o desenvolvimento de um pigmento vegetal preto que possui características semelhantes aos já existentes no mercado de transformação de termoplásticos. Atualmente o pigmento preto mais utilizado nas indústrias de transformação de termoplásticos é o negro de fumo, cujo processo de obtenção gera muitos resíduos tóxicos e quando liberados na atmosfera aumenta a poluição do ar. O pigmento em estudo possui a estrutura química formada por 97% de carbono proveniente da moagem e micronização do carvão vegetal. Os objetivos do presente trabalho foram estudar a obtenção do pigmento preto de origem do carvão vegetal, estudar o desempenho deste pigmento comparando-o com o negro de fumo usado atualmente nas indústrias, incorporação do pigmento obtido em polietileno de baixa densidade (PEBD), caracterização do produto obtido e estudo da influência da radiação ionizante no PEBD mais pigmento preto. Como matérias prima foram utilizadas o carvão vegetal (pigmento preto) e o polietileno de baixa densidade (PEBD). Posteriormente, o pigmento preto obtido foi incorporado ao PEBD pelo processo de injeção e caracterizado em relação a sua estabilidade durante processamento, dispersão, migração e cobertura pigmentar. Também foram realizados testes mecânicos com as amostras não irradiadas e as irradiadas em doses de radiação de 100, 200, 300 e 400kGy. O pigmento foi obtido por meio da moagem do carvão vegetal, sua obtenção é menos nociva ao meio ambiente, visto que o mesmo não é um subproduto do petróleo como o negro de fumo e sim um derivado da madeira que é um produto renovável. É importante salientar que é possível canalizar o descarte de maneira inadequada da madeira para uma linha produtiva, produzindo assim o carvão o qual é matéria prima para este pigmento e assim ser inserido em cadeia produtiva. Apesar da aplicação em matriz polimérica ter sido maior que a do negro de fumo 1,4%, o mesmo é de fácil obtenção, proveniente de uma fonte renovável, sendo de baixo custo além de apresentar propriedades colorimétricas compatíveis e próximas às do negro de fumo. Em relação à incorporação do pigmento na matriz polimérica durante o processo de injeção, o mesmo foi de fácil incorporação distribuindo-se de maneira homogênea. Em relação às amostras irradiadas pode-se dizer que houve ganhos na maioria das propriedades estudadas. Dependendo do tipo de artefato a ser fabricado e de quais propriedades são mais importantes, pode-se irradiá-lo em dose mais adequada.

    Palavras-Chave: coal; pigments; charcoal; carbon black; density; polyethylenes; mechanical tests; renewable resources; environmental impacts; ionizing radiations

  • IPEN-DOC 21769

    SANTOS, S.C. ; YAMAGATA, C. ; CAMPOS, L.L. ; MELLO CASTANHO, S.R.H. . Bio-prototyping and thermoluminescence response of cellular rare earth ceramics. Journal of the European Ceramic Society, v. 36, p. 791-796, 2016.

    Palavras-Chave: thermoluminescence; rare earths; renewable resources; ceramics; yttrium oxides

  • IPEN-DOC 27258

    ARANTES, MARIANA M. . Desenvolvimento e caracterização de compósitos poliméricos à base de EVA e LDPE reciclados com fibras de coco de babaçu : uma contribuição para a sustentabilidade / Development and characterization of polymeric blend based on EVA and LDPE recycled with babassu coconut fibers - a contribution to sustainability . 2020. Dissertação (Mestrado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 79 p. Orientador: Esperidiana Augusta Barretos de Moura. DOI: 10.11606/D.85.2020.tde-07102020-133716

    Abstract: A crescente preocupação sobre problemas ambientais em união com pesquisadores, tem gerado uma nova frente de pesquisa que visa a reciclagem principalmente de polímeros e o aproveitamento de materiais originários de fontes renováveis. Este trabalho visa a incorporação da fibra proveniente do coco de babaçu em polímeros reciclados e puros, onde 75% deles são provenientes da reciclagem. As fibras do coco de babaçu foram caracterizadas, por meio dos ensaios de densidade, o teor de umidade natural e a capacidade de absorção de água. A preparação da blenda polimérica constituída por 25 % em massa de EVA reciclado, 25 % de EVA virgem e 50 % de LDPE foi realizada por meio da técnica de mistura mecânica no estado fundido, utilizando uma extrusora dupla-rosca, e a obtenção das chapas para confecção dos corpos de prova foram feitas em uma extrusora monorosca com matriz plana acoplada. Foi utilizado o agente espumante Endex BR 2650, na proporção de 2,5% em massa. As amostras foram caracterizadas por densidade aparente, DRX, TG, ensaio mecânico de resistência à tração e ensaio de flamabilidade. As curvas de raios X apresentaram os picos característicos dos materiais, não demonstrando alteração dos mesmos no momento de processamento. A termogravimetria mostrou ligeira influência da fibra e argila na temperatura inicial de degradação, bem como nos percentuais de perda de massa. No ensaio de resistência à tração a fibra e argila quando introduzidas na blenda provocaram uma redução variando de 18 % a 43 %, mas ao adicionar o agente espumante houve um acréscimo (10 % a 61 %) quando comparada com as adições de 1% e 3% de FCB, respectivamente. O ensaio de flamabilidade, a incorporação de agente espumante e argila apresentaram atraso na ignição do material, bem como maior dificuldade de propagação das chamas.

    Palavras-Chave: organic polymers; polystyrene; polyvinyl acetate; coconuts; fibers; recycling; mixtures; waste processing; renewable resources; scanning electron microscopy; thermal gravimetric analysis; x-ray diffraction

  • IPEN-DOC 25412

    NOGUEIRA, K.M.; VARCA, J.O. ; VARCA, G.H.C. ; LIMA, C.S.A.; LUGAO, A.B. . Development of lignin-PVP based dressing for wound treatment. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA E CIÊNCIA DOS MATERIAIS, 23., 04-08 de novembro, 2018, Foz do Iguaçu, PR. Resumo... 2018. p. 7289-7289.

    Abstract: Lignin is a carbon renewable source and has been widely explored in different fields in the last years, especially in biomaterials as dressing and other biomedical devices due its natural origin and low cost1. Poly(ethylene oxide) (PEO) is a synthetic polymer largely used in biomedical applications due its important characteristics such as high hydrophilicity, non-toxicity and ease of process2. The present work aimed to develop a lignin-PEO based dressing for wound treatment by casting. In specific terms, three different polymer blends were formulated using a range of 3 to 10% (w/v) lignin was tested with the addition of 1 to 3% PEO. Lignin was solubilized in aqueous solution (pH>13) alkalized with sodium hydroxide and PEO was solubilized in distilled water. The solutions were heated up to 70 ºC and homogenized until complete polymer dissolution. Then, PEO solution and poly(ethylene glycol) diacrylate (PEGDA) (0.5 - 1.0%) were added to the lignin solution and the blend was mixed for 30 minutes at 70 ºC. Posteriorly the blends were submitted to casting and drying under different conditions, room temperature for 48 hours and incubated at 40 ºC for 24 hours. A control sample of 6% lignin was prepared in the same conditions. Samples were evaluated by physico-chemical and morphological characterizations. The swelling and gel fraction profiles were assessed as well as thermal behavior by differential scanning calorimetry. Chemical modifications were evaluated by infrared spectroscopy. Samples with higher PEGDA content presented minor swelling index. The blends formulated presented different thermal behavior in comparison with the control. Infrared spectroscopy pointed some chemical modifications promoted by the crosslinking agent. In general terms, the material developed presented a potential to continue been explored as dressing for wound treatment

    Palavras-Chave: biological materials; lignin; infrared spectra; polymers; renewable resources; wounds; therapy; healing

  • IPEN-DOC 20586

    ANDRADE e SILVA, LEONARDO G. de ; SANTOS, MAURICIO C.F. . Ionizing radiation influence in low density polyethylene with charcoal black pigment. In: INTERNATIONAL NUCLEAR CHEMISTRY CONGRESS, 4th, September 14-19, 2014, Maresias, SP. Abstract... 2014. p. 289.

    Palavras-Chave: charcoal; pigments; carbon black; density; polyethylenes; ionizing radiations; mechanical tests; renewable resources; environmental impacts

  • IPEN-DOC 27293

    SANTOS, EDSON P. dos . Mercado no Brasil para uso de energias renováveis e ações de eficiência energética / Market in Brazil for the use of renewable energies and energy efficiency actions . 2020. Dissertação (Mestrado em Tecnologia Nuclear) - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN-CNEN/SP, São Paulo. 131 p. Orientador: Thadeu das Neves Conti. DOI: 10.11606/D.85.2020.tde-02102020-154629

    Abstract: Com o crescente aumento da participação de fontes renováveis de geração de energia em nossa matriz energética e a grande preocupação das organizações com sua gestão, cada vez mais são evidenciadas as oportunidades técnicas e financeiras de reduzir os custos com energia, aumentar sua competitividade nas organizações e promover ações que diminuam os impactos ambientais nos processos envolvidos. Vários aspectos são relevantes, entre os quais é possível identificar no Brasil a baixa aderência para uso de novas tecnologias principalmente voltadas à melhoria da eficiência energética, grandes potenciais para a expansão das energias renováveis, notória viabilidade técnica e financeira para projetos desenvolvidos nas áreas de energia e eficiência energética. Neste trabalho é apresentado o estudo atual das principais fontes de energia, dando ênfase as renováveis e as ações de eficiência energética, demonstrando um cenário geral das ações desenvolvidas pela iniciativa pública e privada, juntamente com os demais atores envolvidos, cujo objetivo é disseminar as oportunidades que permeiam o mercado de energia e eficiência energética no Brasil, bem como a garantia dos benefícios que a adoção dessas novas tecnologias possam trazer para a economia, sociedade, meio ambiente e para o desenvolvimento do país. Os resultados apurados no estudo, destacam o Brasil como uma das matrizes energética mais limpa no mundo, demonstrando expressiva participação das energias renováveis com aproximadamente 43%, mas revelam tímidas iniciativas voltadas às ações de eficiência energética e à melhoria do seu desempenho.

    Palavras-Chave: energy systems; emergency plans; use energy conservation; renewable resources; energy accounting; energy analysis; energy efficiency; environmental protection; public policy; laws; brazil

  • IPEN-DOC 24697

    SANTOS, EDSON P. dos ; CONTI, THADEU das N. . Mercado profissional para a área de energia e eficiência energética no Brasil / Professional market for the area of energy and energy efficiency in Brazil. Revista Internacional de Ciências, v. 7, n. 2, p. 142-158, 2017. DOI: 10.12957/ric.2017.28138

    Abstract: Com o crescente aumento da participação de fontes renováveis de geração energia em nossa matriz energética e a grande preocupação das organizações com a gestão de energia, cada vez mais, é evidenciado a necessidade de se promover programas de formação profissional que garantam a mão obra especializada para os profissionais envolvidos nestes processos. Vários aspectos são relevantes, entre esses é possível identificar a falta de know-how para uso de novas tecnologias, infraestrutura das instituições de ensino, formação, padronização e projetos para certificação de pessoas, para que assim sejam garantidos os resultados dos projetos desenvolvidos nas áreas de energia e eficiência energética. Neste trabalho é apresentado o estudo atual dos principais gargalos na formação destes profissionais, bem como um cenário geral das ações educacionais desenvolvidas pela iniciativa pública e privada, juntamente com os demais atores envolvidos, com objetivo de reduzir a carência técnica dos profissionais e a garantia dos benefícios que estas novas tecnologias podem trazer para a economia, sociedade, meio ambiente e para o desenvolvimento do país. Palavras-chave: Mão de obra, Know-how, Formação profissional.

    Palavras-Chave: energy systems; emergency plans; personnel; education; training; manpower; renewable resources; energy accounting; energy analysis; energy efficiency; environmental protection; public policy; laws; brazil

  • IPEN-DOC 26687

    BELLONI, MARCIO ; CONTI, THADEU das N. . The connection of solar generators to the electricity distribution network as a means of mitigating environmental impacts by dispensing the banks of accumulators. Energy and Power Engineering, v. 11, n. 12, p. 392-397, 2019. DOI: 10.4236/epe.2019.1112026

    Abstract: Solar generators are known worldwide as a means of generating clean electricity. However, the existence of battery banks causes alarm in the community by the existence of materials that degrade the environment by discarding them outside the norm. With the publication of Regulatory Standards 482/12 and 687/15, solar generators can be connected to the distribution grid, which serves as a means of accumulating the generated energy. The new changes were seen as an economic possibility, but there are more benefits. This has proved very important to make solar generation greener because it no longer needs large battery banks. This has also been shown to significantly lower the final value of the solar generator, bringing economic benefits. This paper aims to analyze the economic and environmental benefits of battery bank distribution in solar generation.

    Palavras-Chave: renewable energy sources; solar energy; electric generators; power generation; electricity; battery chargers; environmental impacts; renewable resources; economic impact; standardization

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.

O Repositório Digital do IPEN é um equipamento institucional de acesso aberto, criado com o objetivo de reunir, preservar, disponibilizar e conferir maior visibilidade à Produção Científica publicada pelo Instituto, desde sua criação em 1956.

Operando, inicialmente como uma base de dados referencial o Repositório foi disponibilizado na atual plataforma, em junho de 2015. No Repositório está disponível o acesso ao conteúdo digital de artigos de periódicos, eventos, nacionais e internacionais, livros, capítulos, dissertações, teses e relatórios técnicos.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.