Navegação Periódicos - Artigos por autor "ABESSA, D.M.S."

Classificar por: Ordenar: Resultados:

  • IPEN-DOC 18057

    PEREIRA, C.D.S.; MARTIN DIAZ, M.L.; CATHARINO, M.G.M.; CESAR, A.; CHOUERI, R.B.; TANIGUCHI, S.; ABESSA, D.M.S.; BICEGO, M.C.; VASCONCELLOS, M.B.A. ; BAINY, A.C.D.; SOUSA, E.C.P.M.; DELVALLS, T.A.. Chronic contamination assessment integrating biomarkers responses in transplanted mussels - A seasonal monitoring. Environmental Toxicology, v. 27, n. 5, p. 257-267, 2012.

    Palavras-Chave: brazil; coastal regions; contamination; biological markers; mussels; monitoring

    Icon

  • IPEN-DOC 24235

    MARANHO, L.A.; FONTES, M.K.; KAMIMURA, A.S.S.; NOBRE, C.R.; MORENO, B.B.; PUSCEDDU, F.H.; CORTEZ, F.S.; LEBRE, D.T. ; MARQUES, J.R. ; ABESSA, D.M.S.; RIBEIRO, D.A.; PEREIRA, C.D.S.. Exposure to crack cocaine causes adverse effects on marine mussels Perna perna. Marine Pollution Bulletin, v. 123, n. 1-2, p. 410-414, 2017. DOI: 10.1016/j.marpolbul.2017.08.043

    Abstract: Our study aimed to evaluate crack cocaine effects in different life stages of the marine mussel Perna perna. For this purpose, fertilization rate, embryo-larval development, lysosomal membrane stability and DNA strand breaks were assessed. Effect concentrations in gametes and in larval development were found after 1 h (IC50 =23.53 mg·L−1) and 48 h (IC50 =16.31 mg·L−1), respectively. The highest tested concentration showing no acute toxicity (NOEC) was 10 mg·L−1, while the lowest observed effect concentration (LOEC) was 20 mg·L−1. NOEC concerning embryo-larval development was 0.625 mg·L−1, while the LOEC was 1.25 mg·L−1. Cyto-genotoxic effects were evidenced in mussels exposed to crack cocaine concentrations ranging from 5 to 500 μg·L−1. Our results report the first data on effects of an illicit drug to marine organisms and should encourage further ecotoxicological studies of these contaminants of emerging concern in coastal ecosystems.

    Icon

  • IPEN-DOC 11040

    ABESSA, D.M.S.; CARR, R.S.; RACHID, B.R.F.; SOUSA, E.C.P.M.; HORTELLANI, M.A. ; SARKIS, J.E.S. . Influence of a brazilian sewage outfall on the toxicity and contamination of adjacent sediments. Marine Pollution Bulletin, v. 50, n. 8, p. 875-885, 2005.

    Palavras-Chave: brazil; aquatic ecosystems; sewage; sediments; pollution; toxicity

    Icon

  • IPEN-DOC 27121

    ARAUJO, G.S.; GUSSO-CHOUERI, P.K.; FAVARO, D.I.T. ; ROCHA, R.C.C.; SAINT'PIERRE, T.D.; HAUSER-DAVIS, R.A.; BRAZ, B.; SANTELLI, R.E.; FREIRE, A.S.; MACHADO, W.T.V.; CRUZ, A.C.F.; ABESSA, D.M.S.. Metal‑associated biomarker responses in crabs from a marine protected area in Southeastern Brazil. Archives of Environmental Contamination and Toxicology, v. 78, n. 3, p. 463-477, 2020. DOI: 10.1007/s00244-020-00710-5

    Abstract: The environmental quality of a Ramsar wetland site located at the Cananéia-Iguape-Peruíbe Protected Area (CIP-PA), in São Paulo, Brazil, was assessed by geochemical analyses and biomarker assessments (GPx, GST, GSH, GST, MT, LPO, DNA damage) performed in swimming crab Callinectes danae Smith, 1869 organs (posterior and anterior gills and hepatopancreas) to estimate sediment contaminant bioavailability. The results indicated that two sampling stations, PT and PM, exhibited the worst environmental conditions, as sediments collected at both points contained metal contamination, while crabs exhibited significant responses for GPx, GST, and LPO (mostly during winter). Sediment contamination tended to be associated to fine sediments (both seasons) and organic matter (winter). During the summer survey, Pb concentrations in sediments of station PT exceeded the Brazilian Sediment Quality Guidelines (SQGs) and the Canadian Interim Marine Sediment Quality Guidelines. Metal concentrations in sediments sampled in winter were higher compared with summer, with Co, Ni, and Pb exceeding SQGs levels at PT, whereas Co, Ni, Hg, Zn, and Pb exceeded SQGs at PM. Biomarker induction during summer appeared to be caused by natural variables (water salinity and temperature, and molting cycle), whereas oxidative stress and tissue damage during winter appeared to be more clearly linked to metal contamination. Anterior gills presented the clearest signs of seasonal variability, being more responsive to sediment contamination. The results suggest that metals originated from the upper Ribeira de Iguape River are transported toward the estuarine system, causing effects on C. danae individuals. Additionally, seasonality is a strong factor concerning CIP-PA toxicity, since the rainfall regime significantly modifies the freshwater flow and, consequently, estuarine water salinity, suspended particle and metal inputs, as well as the location of depositional areas. Thus, efforts to mitigate CIP-PA contamination should be based on the control of upstream pollution sources.

    Palavras-Chave: crabs; sediments; sampling; biological markers; environmental materials; aquatic ecosystems; environment; water pollution monitors; metals; ecological concentration; chemical analysis; nature reserves

    Icon

  • IPEN-DOC 26476

    ABESSA, D.M.S.; RACHID, B.R.F.; ZARONI, L.P.; GASPARRO, M.R.; PINTO, Y.A.; BICEGO, M.C.; HORTELLANI, M.A. ; SARKIS, J.E.S. ; MUNIZ, P.; MOREIRA, L.B.; SOUSA, E.C.P.M.. Natural factors and chemical contamination control the structure of macrobenthic communities in the Santos Estuarine System (SP, Brazil). Community Ecology, v. 20, n. 2, p. 121-137, 2019. DOI: 10.1556/168.2019.20.2.3

    Abstract: The Santos Estuarine System (SES) is a complex of bays, islands, estuarine channels, and rivers located on the Southeast coast of Brazil, in which multiple contaminant sources are situated in close proximity to mangroves and other protected areas. In this study, the composition and structure of the macrobenthic communities of SES were described and ninetynine species were identified, with the predominance of polychaetes and bivalve mollusks. The benthic assemblages also showed strong signs of stress, as indicated by the low abundance, richness and diversity, and the dominance of opportunistic species. Integrated analysis including sediment characteristics related to natural and anthropogenic factors (e.g., sediment chemistry, and toxicity) indicated that benthic fauna from the inner portions of the SES and vicinities of the SSOS diffusers as Santos Bay were affected. Some locations at the mouths of Santos and Sao Vicente estuaries exhibited moderate disturbance. In other sites from the mouth of São Vicente and Bertioga channels, and Santos Bay, the benthic fauna were considered not degraded. Our results suggest that a combination of both environmental factors and contaminants were responsible for the benthic community structure.

    Palavras-Chave: aquatic organisms; benthos; water pollution; estuaries; aquatic ecosystems; pollution sources; chemical effluents; chemical wastes; environmental impacts; sediments; grain size; metals; concentration ratio; brazil

    Icon

A pesquisa no RD utiliza os recursos de busca da maioria das bases de dados. No entanto algumas dicas podem auxiliar para obter um resultado mais pertinente.

É possível efetuar a busca de um autor ou um termo em todo o RD, por meio do Buscar no Repositório , isto é, o termo solicitado será localizado em qualquer campo do RD. No entanto esse tipo de pesquisa não é recomendada a não ser que se deseje um resultado amplo e generalizado.

A pesquisa apresentará melhor resultado selecionando um dos filtros disponíveis em Navegar

Os filtros disponíveis em Navegar tais como: Coleções, Ano de publicação, Títulos, Assuntos, Autores, Revista, Tipo de publicação são autoexplicativos. O filtro, Autores IPEN apresenta uma relação com os autores vinculados ao IPEN; o ID Autor IPEN diz respeito ao número único de identificação de cada autor constante no RD e sob o qual estão agrupados todos os seus trabalhos independente das variáveis do seu nome; Tipo de acesso diz respeito à acessibilidade do documento, isto é , sujeito as leis de direitos autorais, ID RT apresenta a relação dos relatórios técnicos, restritos para consulta das comunidades indicadas.

A opção Busca avançada utiliza os conectores da lógica boleana, é o melhor recurso para combinar chaves de busca e obter documentos relevantes à sua pesquisa, utilize os filtros apresentados na caixa de seleção para refinar o resultado de busca. Pode-se adicionar vários filtros a uma mesma busca.

Exemplo:

Buscar os artigos apresentados em um evento internacional de 2015, sobre loss of coolant, do autor Maprelian.

Autor: Maprelian

Título: loss of coolant

Tipo de publicação: Texto completo de evento

Ano de publicação: 2015

Para indexação dos documentos é utilizado o Thesaurus do INIS, especializado na área nuclear e utilizado em todos os países membros da International Atomic Energy Agency – IAEA , por esse motivo, utilize os termos de busca de assunto em inglês; isto não exclui a busca livre por palavras, apenas o resultado pode não ser tão relevante ou pertinente.

95% do RD apresenta o texto completo do documento com livre acesso, para aqueles que apresentam o significa que e o documento está sujeito as leis de direitos autorais, solicita-se nesses casos contatar a Biblioteca do IPEN, bibl@ipen.br .

Ao efetuar a busca por um autor o RD apresentará uma relação de todos os trabalhos depositados no RD. No lado direito da tela são apresentados os coautores com o número de trabalhos produzidos em conjunto bem como os assuntos abordados e os respectivos anos de publicação agrupados.

O RD disponibiliza um quadro estatístico de produtividade, onde é possível visualizar o número dos trabalhos agrupados por tipo de coleção, a medida que estão sendo depositados no RD.

Na página inicial nas referências são sinalizados todos os autores IPEN, ao clicar nesse símbolo será aberta uma nova página correspondente à aquele autor – trata-se da página do pesquisador.

Na página do pesquisador, é possível verificar, as variações do nome, a relação de todos os trabalhos com texto completo bem como um quadro resumo numérico; há links para o Currículo Lattes e o Google Acadêmico ( quando esse for informado).

ATENÇÃO!

ESTE TEXTO "AJUDA" ESTÁ SUJEITO A ATUALIZAÇÕES CONSTANTES, A MEDIDA QUE NOVAS FUNCIONALIDADES E RECURSOS DE BUSCA FOREM SENDO DESENVOLVIDOS PELAS EQUIPES DA BIBLIOTECA E DA INFORMÁTICA.

O gerenciamento do Repositório está a cargo da Biblioteca do IPEN. Constam neste RI, até o presente momento 20.950 itens que tanto podem ser artigos de periódicos ou de eventos nacionais e internacionais, dissertações e teses, livros, capítulo de livros e relatórios técnicos. Para participar do RI-IPEN é necessário que pelo menos um dos autores tenha vínculo acadêmico ou funcional com o Instituto. Nesta primeira etapa de funcionamento do RI, a coleta das publicações é realizada periodicamente pela equipe da Biblioteca do IPEN, extraindo os dados das bases internacionais tais como a Web of Science, Scopus, INIS, SciElo além de verificar o Currículo Lattes. O RI-IPEN apresenta também um aspecto inovador no seu funcionamento. Por meio de metadados específicos ele está vinculado ao sistema de gerenciamento das atividades do Plano Diretor anual do IPEN (SIGEPI). Com o objetivo de fornecer dados numéricos para a elaboração dos indicadores da Produção Cientifica Institucional, disponibiliza uma tabela estatística registrando em tempo real a inserção de novos itens. Foi criado um metadado que contém um número único para cada integrante da comunidade científica do IPEN. Esse metadado se transformou em um filtro que ao ser acionado apresenta todos os trabalhos de um determinado autor independente das variáveis na forma de citação do seu nome.

A elaboração do projeto do RI do IPEN foi iniciado em novembro de 2013, colocado em operação interna em julho de 2014 e disponibilizado na Internet em junho de 2015. Utiliza o software livre Dspace, desenvolvido pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Para descrição dos metadados adota o padrão Dublin Core. É compatível com o Protocolo de Arquivos Abertos (OAI) permitindo interoperabilidade com repositórios de âmbito nacional e internacional.

1. Portaria IPEN-CNEN/SP nº 387, que estabeleceu os princípios que nortearam a criação do RDI, clique aqui.


2. A experiência do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN-CNEN/SP) na criação de um Repositório Digital Institucional – RDI, clique aqui.